Branding: como influenciar as decisões de compra

Branding nada mais é do que a completa gestão da marca desde sua concepção até ações de marketing realizadas diariamente. É o que vai agregar valor e está diretamente relacionado a como seus consumidores veem sua empresa e com a fidelização deles.

Entenda que, branding não é uma coisa que se faz de uma só vez. É um processo longo no qual você vai observando os resultados lentamente, porém, quanto melhor construído, maiores as chances da sua marca crescer cada vez mais.

Mas, o que é exatamente uma marca?

É o conjunto de todas as coisas que representam você ou sua empresa. Esse grupo é composto por coisas que representam, anunciam e premeditam tudo o que é sua companhia. Algo que não pode ser imposto, que deve ser trabalhado. Resumindo, é aquilo que torna seus produtos únicos.

Isso influencia nas decisões de compra?

Conforme sua marca vai criando uma forma, personalidade e posicionamento, mais as pessoas têm a chance de se identificar com ela. Se sua difusão com o público for ideal, o consumidor vai comprar com você. Atualmente, o mercado não quer consumir apenas um produto, mas também o que ele representa.

As escolhas do público são muito mais baseadas na identificação com valores e sentimentos do que pelo produto em si. Esse fator é um dos principais agregadores de valor à uma marca. Para seus compradores, o PORQUE você faz é muito mais importante do que O QUE você faz. Motivos e sonhos são grandes impulsionadores de branding.

As marcas que possuem um bom branding são aquelas que atraem os consumidores pela identificação.

Como fazer um bom trabalho de branding?

Os primeiros indivíduos a terem contato com sua marca são seus colaboradores diretos. Então, para saber se sua marca está bem conhecida, olhe para dentro de sua empresa e fazer as seguintes perguntas:

As pessoas entendem os valores da marca?

Entendem o quanto ela está protegida de diversas maneiras?

O quanto seu público está se comprometendo com ela?

Uma vez que o interior de sua empresa foi estudado, você pode passar para os fatores externos que são:

Sua marca tem de ter valores claros;

É imprescindível que sua marca promove uma mudança;

Deve se distinguir claramente da concorrência;

Estar presente nos locais certos, nos momentos e situações certas;

Deixem claro para seus clientes a que você veio;

Sua marca deve atender a todas as expectativas.

Essas são as primeiras coisas que você necessita analisar para criar um bom branding. Então, se você quer começar a trabalhar o branding para sua empresa, mas não sabe por onde começar, fale com a gente!

Gostou do nosso conteúdo? Quer saber mais? Então, clica aqui!

Abs,

Equipe Thatto.

Fernanda Pilão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *