Realidade Aumentada: sua marca no mundo digital!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Realidade Aumentada: sua marca no mundo digital!

Já falamos um pouco sobre como uma narrativa pode alavancar uma marca. Contar uma história de forma que proporcione, também, uma experiência única que influencia diretamente na decisão de compra. Atualmente, se tornou possível com o uso da realidade virtual.

Estamos vendo formas de tecnologia que nunca imaginaríamos ser verdade. Coisas que parecem que saíram direto de filmes de ficção científica.

Fato é que a o mundo digital está saindo da tela do celular e se misturando com nosso ambiente físico. Isso é fantástico! E é possível por meio das tecnologias de Realidade Virtual e Realidade Aumentada.

A gente lembra que as primeiras tecnologias dessa natureza surgiram em jogos de realidade virtual e realidade aumentada. Eles se tornaram sucesso com o público e as empresas investiram ainda mais nas tecnologias.

Agora, essas tecnologias passaram a ter diversos usos em vários segmentos de mercado, como: medicina, construção civil, venda de imóveis e até manutenção de aviões. Incrível, né?

Porém, qual a diferença entre Realidade Virtual e Realidade Aumentada?

Cada vez mais importante dentro do mercado, certamente é uma ferramenta que diversos segmentos podem começar a pensar em utilizar.

O que é a realidade virtual?

A realidade virtual engana os sentidos, por meio de diversos estímulo visuais e auditivos gerados dentro de ambientes virtuais. Geralmente, por meio de óculos e headsets que bloqueiam os estímulos externos.

A Realidade Virtual é uma tecnologia que tem como principal objetivo enganar os sentidos do usuário, dentro de um ambiente virtual. A partir de um sistema computacional, ela induz efeitos visuais, sonoros e até táteis.

A RV permite a imersão total e completa do usuário em um ambiente simulado, com ou sem interação do usuário. Atualmente, para fazer essa indução, a realidade virtual tem base em óculos e headsets. Eles cobrem completamente olhos e orelhas, privando o usuário de ouvir e ver estímulos externos.

realidade virtual realidade aumentada
Realidade Virtual nos mantém completamente inseridos dentro de um mundo virtual.

O que é Realidade Aumentada?

A Realidade Aumentada é quando a tecnologia permite que o mundo real se uma com o mundo virtual. O maior e mais conhecido exemplo da realidade aumentada no Brasil e no mundo é o jogo Pokémon Go.

Dentro do jogo, o usuário consegue ver o pokémon quando liga a câmera do celular. Esse recurso da a impressão de que o desenho está realmente no mundo real. Foi a partir desse jogo que a realidade aumentada conquistou milhões de pessoas e vem ganhando mais e mais espaço.

Com essas duas definições, vale também ressaltar que RV e RA são dois conceitos diferentes, com aplicações diferenciadas.

realidade aumentada decoração
Realidade Aumentada para decoração, digital dentro do mundo real.

Como eu posso inserir esses conceitos no Varejo?

Ambas as tecnologias têm sido empregadas em uma variedade de usos diferentes. O varejo aproveitou a onda para também se beneficiar desse recurso e oferecer inovação para os consumidores.

A Goldman Sachs fez uma pesquisa e concluiu que a indústria de realidade virtual e aumentada será uma indústria que irá movimentar até 80 bilhões de dólares até 2025. Eles também concluíram que a RA pode ser uma forma de mudar o jogo do varejo para sempre.

Por quê? Porque tem um potencial de engajamento MASSIVO. Quem aproveitar para adotar essa tecnologia agora que a tendência está nascendo vai ter uma vantagem sobre a concorrência.

Se você ainda não se convenceu sobre aplicar a RA no seu estabelecimento, veja o que a pesquisa levantou sobre os benefícios:

  • Vendas serão redefinidas pela RA. Imobiliárias, turismo, moda, entretenimento e muitas outras indústrias serão movidas pela habilidade do conteúdo de realidade aumentada de aumentar as vendas;
  • Empresas poderão customizar interações com a marca e criar uma experiência persuasiva com a marca para seu público;
  • O atendimento ao cliente tradicional e outros papéis que lidam com o cliente dentro do varejo serão melhorados ou substituídos por RA.

A experiência do cliente de forma multidimensional

Como vimos no tópico anterior, a realidade aumentada tem um grande potencial para transformar a forma como empresas se relacionam com seus consumidores. Quem sair na frente vai ter uma vantagem.

Mas, qual o impacto da RA na experiência do cliente de maneira mais direta?

Bem, ela pode elevar a experiência do cliente de formas muito diferentes, criativas e inovadoras. Tanto a RA, quanto a RV podem ser benéficas particularmente para as áreas de: marketing, vendas, atendimento ao cliente e pós-venda, oferecendo esses três maiores benefícios:

Conexão Emocional: os clientes poderão visualizar e sentir o produto, isso faz com eles se tornem mais ligados emocionalmente com o produto ou serviço;

Acesso mais fácil a informação: a informação estará muito mais acessível e será mais fácil de entender, porque estará disponível em vários formatos diferentes, que promovem um aprendizado multissensorial.

Experiências cativantes: por causa da RA, os clientes estarão mais propensos a trabalhar cenários imaginários ali mesmo, naquele momento. Então, amostras e manequins se tornam obsoletos. Por exemplo: o cenário de teste antes de comprar será perfeito para clientes quando eles estão procurando por roupas.

Depois de entender como a realidade aumentada pode auxiliar a experiência do consumidor e trazer mais diferenciais para sua loja. Vamos falar sobre como ela pode ser aplicada efetivamente dentro nos pontos de venda.

Quais são as aplicações da realidade aumentada no varejo?

Espelho digital

Algumas marcas de moda e beleza como Sephora, Shiseido e a Timberland já usam realidade aumentada para permitir que seus clientes experimentem os produtos de maneira mais conveniente.

Como? De maneira bem simples. Na frente da tela, o usuário pode visualizar sua imagem com peças de roupa ou a maquiagem de sua escolha. Ele tem total liberdade para fazer combinações diferentes e trocar, sem se preocupar com a experiência do provador.

VR Commerce

A Trillenium, uma empresa americana, está desenvolvendo um app que permite que você ande por ambientes totalmente virtuais, visualizando os produtos em tamanho real e interagindo com o ambiente.

Nesse caso, a experiência vai além do RA, para ser um experimento de Realidade Virtual. E a partir dela, lojistas poderão compor ambientes virtualizados com mais facilidade, trocar coleções, expor novos produtos e permitir que o usuário tenha uma experiência de interação única.

Prateleira infinita

Outro recurso interessante que a Realidade Aumentada permite para o consumidor é a possibilidade de exposição dos produtos.

Na aplicação da prateleira infinita, a realidade aumentada seria utilizada para simular prateleiras em lojas físicas, nas quais o usuário pode navegar pelos produtos de maneira simples e interativa, analisando as características por diversos ângulos.

A maior vantagem aqui é a economia de espaço físico, já que, com ele, é possível recriar uma “prateleira infinita”, na qual inúmeras peças podem ser visualizadas em um mesmo ponto da loja.

Campanhas com Realidade Aumentada

Algumas marcas, como Coca-Cola e Nestlé já têm investido em campanhas com a Realidade Aumentada.

Coca-Cola

No Natal do ano passado, a Coca-Cola criou uma campanha com seus maiores símbolos da época, o Urso Polar. Nas latinhas da Coca, com um aplicativo no celular, você via os ursos criarem vida.

Nestlé

A Nestlé apostou, na Páscoa desse ano em uma surpresa ecológica e tecnológica na hora de recriar seus famosos cartões com informações de animais dentro de um aplicativo.

Investir em Realidade Aumentada é uma tendência que coloca sua marca no mundo digital e aumenta a experiência do consumidor. Aposte nessa tecnologia para o varejo!

Gostou do texto, veja mais aqui!