E-mail marketing: qual o futuro da ferramenta?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

E-mail marketing: qual o futuro da ferramenta?

Qual é o futuro do e-mail marketing?

Há algum tempo, quando falávamos de e-mail marketing, imediatamente lembramos daqueles spams intrusivos, que não conversavam realmente conosco. Porém, atualmente, o cenário mudou drasticamente e conseguimos fazer um ótimo uso dessa ferramenta!

Ele é excelente para toda e qualquer empresa que trabalhe o marketing digital. Atualmente, o e-mail é uma das ferramentas com menor custo de manutenção e maior retorno sobre o investimento (ROI). Ao contrário do que muitos dizem que o e-mail marketing vai acabar, ele têm se provado cada vez mais necessário, principalmente para criar uma comunicação personalizada entre sua empresa e seus clientes e potenciais clientes.

Para você entender porque o futuro do e-mail marketing é importante, aqui vão alguns dados sobre a relevância que esse meio de comunicação ainda possui.

  • Até 2020, serão 4,3 bilhões de usuários de e-mail (Statista, 2018)
  • No ano passado, foram enviados e recebidos 269 bilhões de e-mails por dia (Statista, 2018)
  • Para cada $1 dólar gasto em e-mail marketing, há um retorno de $32 dólares (DMA, 2018)
  • 80% das pequenas e médias empresas consideram o e-mail marketing a principal ferramenta de retenção de clientes (Emarsys, 2018)
  • 49% dos clientes afirmam gostar de receber e-mails promocionais de sua marca favorita numa freqüência semanal (Statista, 2017)

Benefícios de usar e-mail marketing

O e-mail marketing é a o canal ideal para chegar de maneira rápida, direta e massiva a milhares de pessoas. Com ele, você consegue segmentar e personalizar a mensagem ao máximo e viralizar sua campanha nas redes sociais, aumentando seu impacto e taxa de abertura. Outra vantagem é a possibilidade de utilizar diversos formatos e você pode incuir imagens, música, vídeos e todos os tipos de ferramentas que ajude a captar atenção dos clientes.

Campanhas de e-mail marketing tem um custo relativamente baixo em comparação com outros meios de comunicação. Como já citamos anteriormente, é uma das formas de marketing com menos custo e maior retorno sobre o investimento. Também é possível trabalhar interação com seu potencial cliente. Como? Fazendo perguntas, pedindo opiniões e convidando o receptor do e-mail a responder a mensagem ao invés de consumir o conteúdo passivamente.

É um dos canais de divulgação mais versáteis que existem, já que por meio dele você consegue direcionar o público para qualquer objetivo. Com alguns CTAs (calls to action ou “chamadas para ação”) estratégicos que tragam algum gatilho mental e convençam sua audiência a seguir para onde você deseja. E, indo além disso, o e-mail é uma ferramenta sua e apenas sua, portanto sua marca fica livre para implementar o melhor layout e desenvolver a comunicação da forma que achar mais adequada.

Quando trabalhamos com Facebook, Instagram ou qualquer outra rede social, você está “pegando um espaço emprestado” para falar sobre seu negócio. Por isso, você acaba se adequando às regras e particularidades daquele canal.

Por último, mas não menos importante, o e-mail marketing te permite medir uma série de dados analíticos importantes. Dessa forma, você consegue saber se sua campanha foi assertiva dentro do que você precisasse que ela cumprisse.

Qual o futuro do e-mail marketing?
Analisar os e-mails depois do envio é uma prática essencial para entender o que funciona.

O futuro do e-mail marketing

Mais segmentação

Um dos benefícios que o e-mail marketing traz é justamente o poder de segmentar seus contatos. Esse processo vai se tornando cada vez mais complexo, com cada vez mais dados.

Dessa maneira, é possível personalizar ainda mais a comunicação e aplicar tudo isso na estratégia que você vai utilizar para lidar com aquele cliente em potencial. O e-mail marketing está se tornando cada vez mais inteligente e isso é importante para a entrega de conteúdo para as pessoas que realmente querem vê-lo.

E-mails mais interativos e de texto

Lembra daqueles e-mails com gráficos detalhados, cheios de imagens e informações? Então, o tempo em que as audiências gostavam deles se foi. A maioria dos usuários de e-mail já não curte mais ler ou interagir com esse tipo de conteúdo, já que eles têm muitos anúncios e podem parecer spam.

As últimas descobertas sobre e-mail marketing mostram que o público prefere e-mails simples de texto, do que mensagens pesadas. Além disso, quando os textos são simples, os usuários têm a tendência de achar as mensagens mais sinceras e menos voltadas para vendas.

Outra tendência é tornar as mensagens mais interativas. Em nome de promover o engajamento, manter seu público interessado e antecipar o conteúdo que eles querem ver, é interessante optar por e-mails interativos. Com questionários, pesquisas, jogos, GIFs e etc. Preste atenção ao seu CTA, quando você coloca mais interação no seu e-mail.

Storytelling

Nós já falamos um pouquinho sobre o poder que o storytelling tem para uma marca. As narrativas que sua marca escolhe utilizar podem criar identificação entre ela e os seus consumidores e isso é ponto chave atualmente.

No caso do e-mail marketing, aqueles que incluem uma história no início podem acabar disfarçando o teor comercial da mensagem e podem ser bastante influentes quando entregues adequadamente para o público certo. Uma prova disso são todas as campanhas de final de ano que viralizam com uma força muito grande.

O que todas essas campanhas têm em comum? Todas elas contam histórias. Então tenha isso em mente na hora de pensar na sua próxima campanha de e-mail marketing.

E essas são as três maiores tendências para e-mail marketing que vamos ver em 2019 e 2020. Gostou? Então aproveita para ver mais conteúdo aqui!

Quer começar sua campanha de e-mail marketing? Fale com a gente!